Baixa presença de moradores cancela oficina bairro do Salvador 500 na Liberdade

A oficina bairro do plano Salvador 500¹ na área da subprefeitura da Liberdade  foi cancelada na noite desta quarta-feira, 12, devido a baixa presença de moradores.

A presidente da Fundação Mário Leal Ferreira e coordenadora técnica do plano, Tânia Scofield, considerou que a reunião ficaria prejudicada devido a pequena quantidade de participantes, eram pouco mais de 20, e sugeriu remarcar o encontro. Líderes comunitários, que já discutiam entre si a questão, concordaram com a proposta e manifestaram muitas queixas quanto à divulgação do evento.

Morador da comunidade, Luiz Rogério se considerou prejudicado e disse que faltou divulgação. “Eu tinha um outro compromisso esta noite em Pernambués, mas vim prestigiar o meu bairro. Sinto como se tivesse perdido meu tempo, mas eu espero que isto sirva para realizarmos uma oficina apropriada. Se hoje pela manhã alguém tivesse distribuído panfletos no plano inclinado, eu garanto que isto aqui estaria lotado”, afirmou.

“O que me causa estranheza é não se ver divulgação não apenas para este evento, mas para tantos outros que ensejam participação popular. Se estamos discutindo o Salvador 500, temos que discutir primeiro os 500 com o povo. Eu como presidente do conselho da prefeitura bairro de São Caetano e Liberdade, estou vendo aqui apenas quatro conselheiros de 17, sabe por quê? Porque sequer foram avisados pela prefeitura bairro local. É até vergonhoso ver aqui só dez pessoas da Liberdade, como se as pessoas daqui não quisessem participar”, declarou Francisco Vanderlei.

Para Domingos Moreira, líder de ações comunitárias no bairro de São Caetano, falta também que a imprensa soteropolitana seja estimulada a alimentar o debate e propagar os encontros.

Tânia Scofield se comprometeu em realizar uma divulgação da oficina em pontos chaves do território, considerar sugestões de locais levantados e disse que irá a avaliar a nova data.

A região da prefeitura bairro da Liberdade-São Caetano é a que concentra a maior população da cidade com quase 400 mil habitantes, segundo dados da prefeitura. Ela terá duas oficinas bairros nesta fase de diagnóstico para elaboração do plano Salvador 500.

feira-japao

A oficina desta quarta contemplaria a participação de moradores dos bairros de: Baixa de Quintas, Caixa D’água, Cidade Nova, Curuzu, IAPI, Lapinha, Liberdade, Pau Miúdo, Pero Vaz, Retiro e Santa Mônica.

Já os bairros de Alto do Cabrito, Boa Vista de São Caetano, Bom Juá, Campinas de Pirajá, Capelinha, Fazenda Grande do Retiro, Marechal Rondon e São Caetano têm oficina agendada para o dia 22 de novembro das 8h às 12h na Escola Municipal Helena Magalhães em São Caetano.

Tendência de baixa presença

A baixa presença de moradores e participantes nas oficinas bairros tem sido uma tendência nos eventos até aqui. Na oficina bairro da Cidade Baixa no dia 4 de novembro, por exemplo, foram menos de 30 participantes com uma parte considerável de residentes de outras áreas, além de funcionários ligados ao poder público municipal.

A oficina da Liberdade teria sido a sexta realizada das 16 reuniões previstas no primeiro ciclo de oficinas. Já tínhamos alertado aqui para a necessidade de ampla divulgação, quando do anúncio do calendário, para que o processo não ficasse esvaziado. Na ocasião, foram poucos dias de antecedência entre o aviso inicial e a realização da primeira oficina, que aconteceu na região do Subúrbio.


¹- Projeto de iniciativa do executivo municipal que pretende, ao promover a revisão da lei do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano (PDDU) e da Lei de Ordenamento do Uso e Ocupação do Solo (LOUOS), formular o planejamento urbano do município para os próximos 35 anos, quando ele completará 500 anos.

 

12 comentários em “Baixa presença de moradores cancela oficina bairro do Salvador 500 na Liberdade

  • 25 de novembro de 2014 a 04:47
    Permalink

    É uma grande pena que isto tenha acontecido. Mas temo a mesma situação para as próximas Oficinas. Estive na última quinta-feira, 20/nov/2014, na Oficina da Prefeitura-Bairro Itapuã/Ipitanga, onde se deu “mais destaque” aos bairros Boca do Rio/Itapuã. Entretanto entendo que não é pelo fato de nomear esta oficina com estes dois bairros que seja algo exclusivamente para eles, até por que 225 mil moradores se fazem presentes nestas localidades, segundo a informação da própria PMS. Sei e concordo que não somente ela é responsável pela divulgação das Oficinas, que é papel nosso também mobilizar todos em prol de uma melhoria em conjunto; porém nas últimas palestras de Bonduki aqui em Salvador percebi que todos e quaisquer tipos de meios de comunicação foram utilizados para o desenvolvimento do PDE de São Paulo, como rádio, jornal, internet, cartazes nos metrôs e em TV – no horário nobre (!), segundo o próprio – e não somente outdoor como tenho mais visto aqui na capital baiana. Percebi que é a vontade da grande maioria participar com críticas positivas ou negativas nos espaços de debate, e que muitos detalhes são lembrados pelos mesmos com o verdadeiro intuito de que nada passe despercebido, mas o que me preocupa até o momento é a formalização disto tudo.

    Em conversa com Carl perguntei o que ocorreria logo em seguida a este processo para que fosse formalizado e esquematizado tudo que foram colhidos nas Oficinas a ponto de ser aprovado numa Audiência Pública e Carl me respondeu que a empresa que faria isso deveria ter sido contratada há 3 meses atrás! Além de que a vontade do Prefeito é que este processo do PDDU seja iniciado após o final das Oficinas.

    A minha sensação vai se parecer um pouco com a dele já que parece que a PMS está fazendo tudo isso apenas para “dizer que fez”. Em pergunta repetida, do mesmo jeito que tinha feito anteriormente a Carl, desta vez a Dora (que não me recordo o sobrenome – mas que esteve presente na apresentação desta Oficina), fui informado que assim como houve uma Audiência Pública (a 1ª), a segunda haverá a aprovação dos “produtos resultantes da Mobilização feita nestas Oficinas”, assim como também haverá a posse do Conselho* e a aprovação do regimento que não fora concluído; esperemos que novidades apareçam e que o *Conselho seja deliberativo, não somente consultivo como, infelizmente, é por agora. Então, diante disto, precisamos pressionar a PMS para que o trem ande em cima do trilho.

    Responder
  • 28 de novembro de 2014 a 15:33
    Permalink

    Lamentável esta oficina ter sido cancelada, em um bairro tão populoso e que carece de atenção. Isto é mais pura demonstração da falta de interesse popular no que diz respeito a participação nos assuntos da cidade, e também pela pouca divulgação por parte da organização das oficinas.
    Participei da oficina da Prefeitura-bairro de Brotas, ocorrida no dia 25/nov/2014 e me surpreendi com o baixo coro, sendo esta uma região super populosa, englobando os bairros de Brotas, Sete portas e imediações.
    Embora os objetivos destas oficinas esteja focada na formação do plano 500 com a participação popular, estas deveriam ser melhor divulgadas. A intenção das oficinas é muito boa, pois se for realmente feito como proposto, ouvindo a população, o plano tem grandes chances de dar certo e termos uma Salvador melhor para todos.

    Responder
  • 3 de dezembro de 2014 a 18:52
    Permalink

    Mesmo diante do baixo coro nas oficinas de bairro em Salvador, os poucos participantes que se fizeram presentes, não pouparam seus argumentos construtivos e destrutivos.

    Na oficina realizada no bairro da Pituba no dia 24 de novembro, em que tive a honra de estar presente, pude notar o quão ansiosos os moradores estavam para expor as dificuldades vivenciadas nos seus bairros e propondo possíveis mudanças.

    Esta iniciativa da PMS, mesmo não atraindo neste primeiro momento um maior numero de participantes, indica que a mesma vem buscando a participação popular na gestão da cidade.

    Responder
  • 28 de junho de 2016 a 04:25
    Permalink

    Gorgeous card Mandy 🙂 the image is just sooo cute and the little fish charm he has caught is adorable :-)thanks for joining us on the Papertake Weekly Challenge :-vol)Luls x x x

    Responder
  • 26 de julho de 2016 a 13:05
    Permalink

    J’aime les galettes, savez-vous comment?…Avec le regards pétilants des enfants qui découvrent une fève dedans ;-))Brulée ou pas, maison ou pas, la galette, c un moment magique !

    Responder
  • 19 de outubro de 2016 a 15:32
    Permalink

    Craig,People that watched Jamison play last year in Cle knew before camp he had little to contribute to this team. That’s before even one preseason game. The preseason has just cemented the fact Antawn is finished being a contributor on a quality team. When a player loses their legs the writing is on the wall. He is a good character guy to have at the end of the bench and his contract was very friendly. No harm signing him.

    Responder
  • 5 de novembro de 2016 a 02:14
    Permalink

    What a great blog. Glad to have 'discovered' you!Monkey Boy (4) used to get pocket money, but I kept forgetting to give it, so it kind of fizzled out. I think when he starts school next year will be a good time to start up again. (and I like the idea of doing jobs for pocket money.)

    Responder
  • 5 de novembro de 2016 a 07:00
    Permalink

    I find people with an exciteable, irrepressibly boisterous temperament utterly irresistable. Phil Harding from Time Team for eg. Both Phil and Brian Blessed have featured in Grauniad’s “Why I Love…” series.

    Responder
  • 6 de novembro de 2016 a 18:58
    Permalink

    Sharon, we did have some tweeking to do over the first year. We probably stoped in for service 4 different times. It really wasnt bad at all. There will be a certain amount of tweeking you will have to do. If you have some questions about specific RV’s or campers let us know. We try and stay up to date on lots of RV’s.

    Responder
  • 14 de novembro de 2016 a 15:16
    Permalink

    I could have used the Talking Bone Care Pack when my son fell off his bunk bed and broke his elbow!sweepyhead at gmail dot com

    Responder
  • 15 de novembro de 2016 a 01:01
    Permalink

    I love the sparkly cookies! Awesome decorations GG.I bet you have a gorgeous looking tree and very sophisticated decorations.Happy holidays to you and your familyNazneen xx

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *